Contraste |
| |

    Comunicado da Direção | Necessário manter os cuidados para evitar a transmissão da Covid-19

    Prezadas(os),

    A Direção da Unidade João Monlevade da Universidade do Estado de Minas Gerais vem por meio deste reforçar junto à comunidade acadêmica o conteúdo da Nota de 20 de maio de 2022 do Conselho Universitário sobre a necessidade de manter os cuidados e as medidas para evitar a transmissão da COVID-19, no ambiente acadêmico.

    Medidas de prevenção imprescindíveis para a segurança e o cuidado com todas e todos, no âmbito da Unidade João Monlevade:

    • Se possível, recomenda-se o uso da máscara nas dependências da Universidade, principalmente em ambientes fechados e com grande concentração de pessoas, como salas de aula e auditórios;
    • Manutenção dos espaços abertos e bem ventilados;
    • Higienização das mãos e o uso de álcool em gel 70%;
    • Em caso de sintomas, procurar o Serviço de Saúde, antes de se deslocar para a unidade.


    Em caso de contaminação, a Direção orienta:

    • Para servidores em geral, deverá ser observada a Resolução Conjunta SEPLAG/SES nº 10.490/2022 (recomendando-se o afastamento daquele servidor que apresentar teste positivo para Covid-19 ou sintomas característicos de síndromes respiratórias).
    • Os servidores do administrativo, bem como terceirizados deverão contactar imediatamente a sua chefia imediata e ao Setor de Apoio.
    • O corpo docente por sua vez comunicará ao Departamento a que está vinculado.
    • O corpo discente deverá comunicar imediatamente a Secretaria Acadêmica, apresentar atestado médico para requerer o REE, conforme Resolução COEPE/UEMG nº 249/2020, que regulamenta a compensação de faltas e a avaliação de rendimento acadêmico. Caberá à coordenação de Curso comunicar aos professores do Núcleo Formativo o afastamento do discente. Em relação aos estudantes, recomenda-se que cada caso seja tratado pontualmente pelo respectivo Colegiado de Curso.


    Estes procedimentos são fundamentais para que a Unidade consiga fazer um monitoramento e acompanhamento dos casos de COVID.

    Ressaltamos que devem ser observados os protocolos sanitários de cada município, sendo que, mesmo quando facultado o uso de máscaras, a medida de prevenção consistente, diante do cenário pandêmico, para a proteção de estudantes, docentes e servidores administrativos, é a manutenção do uso de máscaras.

    Por fim, a Direção enfatiza a necessidade da conscientização de toda a Comunidade Acadêmica em relação à vacinação e às medidas de prevenção como estratégias imprescindíveis para a segurança de todas e todos.


    Atenciosamente,
    A Direção

    © 2022 UEMG